Simple Plan no Festivent Ville de Lévis

Seguindo sua turnê, ontem – 29/07 – foi a vez do Simple Plan se apresentar para os fãs no Festivent Ville de Lévis. Durante o show, os caras convidaram uma fã para tirar uma foto com eles no palco, após a fã mostrar um cartaz no qual ela dizia que esperou 10 anos para tirar uma foto com eles. A setlist do show e as primeiras fotos já estão em nossa galeria. Aproveite!

Obrigado novamente Rosanne Doyon por compartilhar conosco suas lindas imagens!

1. Jet Lag
2. Can’t Keep My Hands Off You
3. Jump
4. Welcome To My Life
5. The Rest Of Us
6. Your love Is A Lie
7. Astronaut
8. You Suck At Love
9. Boom
10. When I’m Gone
11. Shut Up
12. Crazy
13. Loser Of The Year
14. I’d Do Anything
15. Summer Paradise
16. I’m Just A Kid
17. Perfect


01 02

Vídeos: Três prévias de como será o clipe de “Boom”

Isso mesmo pessoal! O novo clipe do Simple Plan também teve cenas gravadas em Montreal, Canadá, no dia 28/07. Além das cenas gravadas no show e no local privado onde o cenário para o vídeo foi montado, algumas cenas também foram filmadas nas ruas da cidade, como vocês podem conferir nas prévias abaixo.

Aproveite e veja como Jessy Fuchs está dirigindo o clipe!

Saiba como foi o show do Simple Plan promovido pela Coca-Cola

Ontem, 28/07, o Simple Plan realizou uma performance grátis em Montreal. O show foi promovido pela Coca-Cola e foi assistido por um público de aproximadamente 2.000 pessoas.

No show, durante a canção “Boom”, cenas foram gravadas para o clipe da música com a participação dos fãs. Para saber mais, veja abaixo as primeiras fotos e vídeo divulgados!

01 02

Simple Plan fala sobre novo álbum, 5SOS e mais!

Recentemente Chuck Comeau e David Desrosiers concederam uma entrevista para a Fuse TV, durante a passagem dos caras pela Warped Tour 2015. Nela, eles falaram sobre o novo álbum da banda, comentaram sobre como foi trabalhar com o 5 Seconds Of Summer e mais. Leia a entrevista completa abaixo:

simple-plan-interview-warped-tour-2015-holmdel-nj

Vocês não são novatos na Warped Tour.
David: É o nosso décimo ano tocando.

Como isso tem mudado?
Chuck: As bandas, as filas! É interessante ver como a cada ano muda. Nós apenas olhamos para o cronograma e é um pouco diferente de quando costumávamos fazer turnê. Quando nós costumávamos fazer isso, era mais punk rock do Sul da Califórnia, então eu pessoalmente estou sentindo falta de NOFX, Me First e The Gimme Gimmes. Mas eu tenho certeza que iremos conferir novas bandas e descobrir música nova.

David: Eu acho que tem mudado muito, mas também não mudou nada. É o mesmo princípio: você coloca um monte de bandas juntas com um ingresso com preço barato no verão. É tipo um grande acampamento de verão para as crianças. O valor disso, quando você pode ver 55 bandas num dia, eu acho que essa é a atração. A turnê tem sido fiel a isso, dar acesso a muita música com pouco dinheiro. É ótimo para as pessoas. Eles podem descobrir um monte de bandas, eles podem dar uma volta, ver um palco e ir, “Quem é esse?” Para nós, nós começamos distribuindo nossos CDs por aí.
Chuck: Tivemos um Walkman e dizíamos as pessoas: “Ei, nós estaremos tocando no palco Ernie Ball nessa hora.” Naquele tempo éramos os únicos fazendo isso e agora todo mundo está fazendo isso. Todo mundo está batalhando, tentando atrair pessoas para seus palcos. Talvez o nível do quão eficiente era talvez não seja tão bom quanto quando nós estávamos fazendo isso, mas é o mesmo princípio. É dirigido por música e descoberta. Eu acho que é legal.

Vocês provavelmente devem ter bandas mais novas os parando e dizendo: “Ei, eu vi o Simple Plan, vocês me inspiraram”. E agora vocês estão em turnê juntos.
Chuck: Isso é muito legal e acontece muito. Nós iremos ter uma banda que vai chegar e dizer: “Meu Deus, nós crescemos te ouvindo.”
David: É estranho e eu não sei como aconteceu. Nós costumávamos ser a banda mais nova e agora somos veteranos. Apenas voou. Nós abraçamos isso.
Chuck: Todas as idades são bem vindas.

Vocês são uma banda por cerca de 15 anos no mundo-pop-punk, onde bandas tendem a ir e vir muito rapidamente. Como você continuam fazendo o que vocês estão fazendo?
Chuck: Eu acho que a coisa mais importante para nós é que fomos capazes de manter os membros da banda, os mesmos cinco caras, a mesma formação desde o início. Isso não é fácil. Nós crescemos juntos. Somos amigos. Nós viemos do mesmo mundo. Nós sempre tivemos os mesmos sonhos e objetivos. Eu acho que nós percebemos, com o passar dos anos, o quão precioso é ter isso, construir isso, de ver tantas bandas separarem …nos faz perceber como somos diferentes de tudo isso. Somos muito orgulhosos disso. Eu acho que você apenas tem que sentar e ter a certeza que todos são legais. Esse tem sido o modelo da banda.

Chuck: Quanto as multidões, manter a banda seguindo, estamos prestes a lançar nosso quinto álbum agora, tem sido sempre sobre as canções para nós. Não importa todas as coisas de imagem. Somos mesmo de fazer músicas que as pessoas possam se identificar, que amamos, que eles vão amar, que vamos curtir tocar ao vivo por dois anos e apenas a ética do trabalho, também. Quando saímos em turnê, nós saímos por dois anos. Quando saímos em turnê, nós vamos em todos os lugares. Nós tocamos em 65 países até agora e nós queremos tocar em mais. É só colocar em horas, colocar no trabalho. É por isso que-bate na madeira- nós ainda vamos estar por ai um pouco mais.

Quando é que o novo álbum vai sair?
David: Não temos uma data oficial ainda, mas espero que em breve. Nós estamos esperando para Outubro. Pode mudar, mas estamos pensando Outubro. Faz muito tempo.
Chuck: Nós queremos fazer outra música por isso. Está quase pronto, 95% está feito. Nós só temos mais algumas músicas para terminar o mixe em seguida, nós estamos prontos.

Será que o seu novo single, “Saturday”, fala como o resto do álbum vai soar?
Chuck: Foi a primeira música que nós terminamos, que tínhamos mixado e tudo mais. Nós ficamos animados e pensamos: “Quer saber? Vamos apenas compartilhá-la com os fãs. Não é o primeiro single oficial e eu não acho que é realmente um reflexo do álbum. Acho que foi apenas uma canção divertida que nós queríamos que os fãs ouvissem porque eles estavam esperando por muito tempo. O álbum é realmente eclético. Há um retrocesso, canções antigas que têm o 2002-2004 clássico do som do Simple Plan, obviamente, com um toque moderno, mas a essência daquela energia, as melodias e tudo mais está lá. Depois, há algumas coisas diferentes que nós nunca tentamos antes. Há canções super rápidas no estilo punk rock da Warped Tour. Há uma vibefunky. Há todos os tipos de coisas. Acho que só queríamos fazer um álbum onde cada canção se destaca e é diferente. Não é a mesma coisa da faixa 1 à faixa 12.

Neste mundo Warped Tour, vocês têm sempre uma escrita de um lugar pop. As melodias são acessíveis.
Chuck: Essa é a nossa marca registrada. No momento em que a música termina, você pode cantá-la. Não demora 20 ouvidas. É difícil escrever essas músicas, mas tentamos o nosso melhor.

Simple Plan é aquela filosofia que fala o porquê de bandas como o 5 Seconds Of Summer estarem indo tão bem. Eles são uma banda pop punk mas a composição deles vai para um pop que qualquer um pode se identificar. Vocês escreveram com eles também, como foi isso?

Chuck: Foi divertido! Foi uma experiência legal. Nós escrevemos algumas músicas com eles, eu não sei o status da canção. Eles estão compondo com muita gente.
Toda as bandas da Warped Tour em 2004.
Chuck: Eu acho incrível, eles cresceram com aquela música. Eles disseram que eles queriam tentar traze-la de volta. Trazer guitarras de volta as rádios. Ter esse som de retorno. Ei, eu espero que aconteça! Seria ótimo! Para nós, nós sempre tivemos influências diferentes e nós sempre gostamos de músicas cativantes, de Beatles à Cheap Trick à Elvis Costello…
David: Tom Petty!
Chuck: Todas essas coisas. É uma parte do que somos. Nós crescemos com os Fat Wreck álbuns e bandas Epitaph, aquela era. Nós misturamos isso juntos. Nós nunca fomos puro pop ou pop punk. Nós sempre quisemos misturar tudo o que amamos.

Vocês tem que fazer isso né? Ou irão ficar entediados de sempre escrever a mesma canção…
Chuck: Sim, é divertido, mesmo com essa canção, há momentos que estamos tipo “Vamos escrever uma totalmente throwback! E soa bastante genérico, soa clichê e você fica entediado. Mesmo que você tenha a intenção de tentar fazer isso e execute perfeitamente, é difícil. No álbum, há um monte de canções que nós fomos capazes de capturar essa energia e essa época, esse som. Espero que as pessoas gostem.

Vocês estão trabalhando com o produtor Howard Benson, o homem MyChemical Romance! Como foi isso?
Chuck: Foi ótimo. Cara legal. Tivemos bons momentos.
David: Ótimo.
Chuck: Nós tivemos um monte de gente com ele. Ele tem feito álbuns por bastante tempo. É definitivamente marcado nisso. Nós tivemos algumas opiniões diferentes às vezes. Foi um álbum um pouco desafiador de fazer de alguma forma. Nós temos a direção e nós temos uma visão para a banda. Ele achou que somos meio loucos. Ele ficava tipo: Vocês são obsessivos, não posso acreditar que vocês se importam com tudo isso. Ele enlouqueceu em ver o quão detalhistas nós éramos. A tensão, o fato de que nós fizemos um pouco diferente para ter um ótimo álbum. Nós temos a tendência de recuar. Não somos canadenses fáceis, você sabe?

Sébastien Lefebvre e Jeff Stinco no BT Montreal

Hoje mais cedo – 28/07 – Sébastien Lefebvre e Jeff Stinco estiveram no BT Montreal, concedendo uma entrevista exclusiva para o programa. Nela, os guitarristas do Simple Plan comentaram sobre o show grátis que estarão realizando esta noite em Montreal, Canadá, sobre seu novo álbum e claro, eles também falaram sobre o clipe de “Boom”. A banda irá filmar o show de hoje e parece que algumas dessas cenas serão usadas no clipe. Confira abaixo a entrevista:

cats

Novo álbum ainda sem data de lançamento, diz Chuck Comeau

Nos bastidores da Warped Tour 2015 o baterista da banda, Chuck Comeau, concedeu uma entrevista para o inthekeyofchange.com. Nela, Chuck falou sobre como é fazer parte do Festival pela décima vez. Sobre a performance dos caras no APMAS, ele disse que a banda queria fazer algo diferente e por isso, convidaram Mike Herrera.

Ainda nesta entrevista, Chuck disse que o novo álbum deve sair no outono (outono canadense) ou no começo do ano de 2016 – e disse que eles ainda estão sem uma data de lançamento para o álbum. Confira abaixo a entrevista completa:

Novas fotos profissionais do Simple Plan no Alternative Press Music Awards

Atualizamos nossa galeria com novas imagens profissionais do Simple Plan no Alternative Press Music Awards, evento que aconteceu no dia 22, em Cleveland, Ohio. Confira:

CLICK HERE CLICK HERE